Brasil termina junho com déficit de R$ 8,2 bilhões. E você com isso?

0
207

O anúncio de que o Brasil entrou em déficit em junho não pegou ninguém de surpresa. O anúncio da redução do superávit primário, que foi feita na semana passada, já era um presságio do que estava por vir. Se você não sabe o que é o superávit primário ou não acompanhou o anuncio, sugiro ler este texto aqui.

De forma resumida, o déficit acontece quando o governo gasta mais do que arrecada, seja com impostos ou com lucro em empresas estatais. A notícia de que em junho o governo central do Brasil teve um déficit de R$ 8,2 bilhões surpreendeu não pelo fato, que todos esperavam, mas pelo montante. Nós aqui do Econoleigo esperávamos um déficit de em torno de R$ 500 milhões, e o mercado em torno de R$ 3,5 bilhões. Ou seja, a soma das expectativas negativas do mercado e do blog não chegam à metade do estrago causado pelo governo.

Para terem uma ideia, o déficit acumulado no primeiro semestre pelo Tesouro Central, que é a fonte de receita do governo, foi de R$ 1,56 bilhões. Outro ponto a ser observado é que o déficit em junho neste ano foi de R$ 8,2 bilhões, e em junho de 2014 o déficit foi de R$ 1,9 bilhões.

A análise fria e sem sentimentalismo de todos os números disponíveis, que são os piores desde que os mesmos começaram a ser divulgados, mostram que se o governo manter o mesmo perfil de gastos e com a arrecadação atual, que deve continuar em queda, será impossível cumprir a meta de superávit definida, e vai mesmo terminar o ano devendo.

E o que acontece se o Brasil terminar o ano no vermelho, em déficit fiscal? Grande parte dos analistas com quem conversamos, e estamos de acordo com a previsão, apostam no rebaixamento da nota de investimento do Brasil. Sabe o que isso significa? Nossa economia deixa de ser atraente para investimentos externos, e os dólares que ajudam a manter nosso câmbio baixo e consumo interno aquecido simplesmente vão para outro país. E isso é muito, muito ruim.

Resumindo: O que acontece se você termina o ano com a conta no vermelho? O banco não te empresta mais dinheiro e você entra no Serasa. Com um país acontece exatamente a mesma coisa. O governo brasileiro continua fazendo pouco caso da crise, preferindo lutar pela popularidade da presidente do que pela saúde da economia, e isso é muito perigoso, e é assim que você deve se sentir ao ler isso:

 

 

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here